Aprovação de Crédito

Normalmente, para fazer a aprovação de crédito de financiamento imobiliário, os credores costumam exigir alguns requisitos do interessado. Tais fatores envolvem desde documentações pessoais e do bem, até papéis capazes de servirem como comprovantes de renda.

Tendo o crédito aprovado, consegue-se dar continuidade no processo de compra do imóvel. De certa maneira, os documentos exigidos pelo credor são mais uma garantia de que o cliente terá condições de arcar com a dívida e está com o nome limpo.

Profissionais autônomos

A dúvida de muitos profissionais autônomos é se irão conseguir aprovação de financiamento imobiliário justamente por conta da comprovação de renda. Trabalhando sem carteira assinada e sendo pessoa física, é possível mostrar que terá condições de arcar com a dívida caso algumas recomendações sejam seguidas.

Uma das dicas é receber todo o dinheiro de trabalhos externos em uma mesma conta corrente ou poupança por, pelo menos seis meses. Assim, ao imprimir o extrato bancário, será possível confirmar a movimentação e entrada de capital.

Emita também o DECORE (Declaração Comprobatória de Percepção e Rendimento), um documento capaz de informar toda a renda obtida por você. Nesse caso, sua emissão deve ser feita por profissionais da área contábil e o DHP (Declaração de Habilitação Profissional) se faz obrigatório para comprovar sua legalidade.

Outros documentos também podem ser importantes durante a aquisição de um financiamento imobiliário e, por isso, é sempre importante tê-los em mãos. Dentre os principais, podem-se citar a declaração de Imposto de Renda, feita anualmente, e os contratos de prestação de serviço — caso tenha.

Por fim, mas não menos importante, é fazer o Cadastro Positivo. Nele, serão mostrados ao credor se todas as contas em seu nome estão em dia e não estão correndo juros e multas por conta do atraso. Tendo o nome limpo, cabe lembrar, você consegue obter melhores condições de financiamento.

Profissionais CLT

Profissionais que trabalham com carteira assinada sob o regime CLT conseguem obter a aprovação de financiamento de imóveis caso alguns documentos sejam apresentados, tais como:

  • RG E CPF;
  • certidão de nascimento ou casamento;
  • cópia de um comprovante de residência dos últimos três meses;
  • cópia da Carteira de Trabalho;
  • certidão conjunta de débitos referentes aos tributos federais;
  • cópia do último Imposto de Renda declarado à Receita Federal. Caso você seja casado, deve-se entregar também a cópia deste imposto do cônjuge;
  • extrato atualizado e devidamente regularizado pela Caixa Econômica Federal do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço),
  • cópia dos três últimos holerites recebidos com o valor do seu salário.

Pessoa Jurídica (PJ)

Pessoas jurídicas portadoras de CNPJ precisam apresentar alguns documentos extras para a aprovação de crédito ocorrer, dentre os principais citam-se:

  • Certidão Negativa de Débito do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social);
  • Contrato Social ou Estatuto Social original com todas as alterações feitas nos últimos meses referentes à empresa;
  • CQTF (Certidão de Quitação de Tributos Federais);
  • CRF (Certificado de Regularidade do FGTS);
  • cadastro de todos os sócios de sua empresa;
  • CNPJ atualizado e devidamente regularizado;
  • alvará de funcionamento;
  • registro da Junta Comercial sobre as atas das últimas eleições (caso tenha) do setor de diretoria da empresa;
  • registro do balanço patrimonial da empresa nos últimos três meses. Tal documento precisa estar devidamente assinado por um contador e pelo diretor da empresa e deve conter número da transição, bem como a página do registro, no livro diário;
  • aditivos ou quaisquer outras alterações relacionadas a empresa. Tais papéis também devem ser registrados na Junta Comercial e precisam conter as assinaturas de todos os sócios e do advogado contratado;
  • caso sua empresa ainda não esteja aberta, é preciso fazer um balanço de abertura e a previsão de quanto a mesma tende a faturar/lucrar pelos doze meses seguintes;
  • escritura do prédio onde a empresa está localizada. No caso, se houver mais de dois endereços, deve-se apresentar os documentos de todos,
  • documento de declaração do Imposto de Renda ou, conforme o caso, o pedido de isenção deste tributo.

Vale ressaltar que é muito importante apresentar todos os documentos citados com a devida cópia autenticada ou a original junto com uma cópia comum.

Documentos solicitados do imóvel

Sabendo quais documentos precisam ser entregues para receber a aprovação de crédito do financiamento, chegou o momento de verificar quais papéis do imóvel devem ser apresentados. Neste caso, considere:

  • cópia do IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) referente ao ano atual;
  • cópia da matrícula do imóvel feita nos últimos 30 dias. Passado esse período, o documento é dado como vencido,
  • Certidão Negativa do IPTU.

Tendo toda a documentação em mãos, é só receber a assistência gratuita da Melhortaxa e receber toda a assistência necessária para contratar o melhor crédito. Comparamos os juros das maiores instituições do país e verificamos qual atende seu perfil!

Veja Também