Financiamento imobiliário Bradesco

Após ter verificado com a Melhortaxa que o financiamento imobiliário Bradesco é a melhor opção de acordo com o seu perfil, chegou o momento de conhecer detalhes sobre este credor. Por intermédio de nossa equipe especializada, será possível contratar o melhor crédito com esta instituição financeira.

No entanto, para obter sucesso na contratação do financiamento de imóveis, é preciso se atentar a algumas normas deste banco sobre documentações e uso de recursos, como o FGTS. Com isso, fica muito mais fácil fechar negócio e obter parcelas cabíveis ao seu bolso todos os meses.

Etapas de contratação do crédito Bradesco

Antes de mais nada, acesse o simulador de financiamento imobiliário da Melhortaxa e entre em contato com nossos especialistas a fim de verificar se o Bradesco é vantajoso ao seu perfil. Feito isso, o passo a passo de contratação de um serviço de crédito com este credor consiste em:

  • validação do crédito: o Bradesco aceitando ser seu credor, a Melhortaxa irá entrar em contato com você a fim de solicitar toda a documentação necessária para dar continuidade no processo;
  • avaliação do imóvel: neste momento, são solicitados cópia do IPTU do último ano, Certidão de Inteiro Teor da Matrícula do Cartório de Registro de Imóveis e o formulário a ser preenchido presencialmente em uma agência,
  • assinatura do contrato: passada toda a parte de avaliação, a Melhortaxa marca uma data para o cliente e um representante do banco se reunirem e assinarem o contrato. Após isso, o documento deve ser registrado no Cartório de Registro de Imóveis.

Requisitos para financiar um imóvel com o Bradesco

Ao contratar o crédito imobiliário Bradesco, o cliente deve atender a alguns requisitos básicos. Dentre eles, podem-se citar:

  • possuir conta corrente aberta em alguma das agências Bradesco;
  • possuir mais de 18 anos ou ser emancipado;
  • comprovação de renda suficiente para arcar com todas as despesas de um financiamento;
  • apresentar todos os documentos solicitados pelo banco,
  • não ter nenhuma dívida ativa, em atraso ou restrição no nome.

Documentação solicitada no ato da contratação

Alguns documentos pessoais e do imóvel são solicitados pelo Bradesco antes de qualquer crédito lhe ser concedido, tais como:

  • Declaração Pessoal de Saúde;
  • matrícula com certidão cópia da certidão de matrícula ou escritura do imóvel;
  • cópia do último carnê de IPTU;
  • Pedido do Laudo de avaliação do Imóvel;
  • RG e CPF do cliente;
  • certidão de casamento, união estável, de divórcio ou de nascimento;
  • declaração do Imposto de Renda com todos os seus informes de rendimentos do último ano;
  • DECORE ou quaisquer outros papéis capazes de comprovar renda de profissionais autônomos,
  • holerite do último salário recebido. Caso tenha recebido um aumento ou mudado de emprego, apresentar os seis últimos.

Tarifas a serem pagas na contratação

O bradesco financia até 80% do valor total do seu imóvel, seja ele novo ou usado. Além disso, é possível contratar um serviço em até 360 prestações, ou seja, você poderá pagar toda a dívida em 30 anos, sem comprometer mais de 30% do seu orçamento mensal.

Junto com as prestações do financiamento, existem alguns impostos e documentações a serem pagos pelo clientes ao solicitarem o crédito. Neste caso, os quatro principais são:

  • Tarifa de Avaliação, Reavaliação e Substituição de Bens Recebidos em Garantia, cujo valor é descontado diretamente de sua conta corrente;
  • ITBI (Imposto de Transmissão de Bens Imóveis), calculado pela prefeitura entre 2 e 3% do valor de mercado da propriedade;
  • entrada do seguro habitacional, cujo valor varia de acordo com a idade do cliente e o preço no qual o imóvel é avaliado,
  • taxa cobrada pelo Cartório de Registro de Imóveis durante a emissão de toda a documentação capaz de regularizar o bem.

O FGTS no financiamento imobiliário Bradesco

Assim como na maioria dos casos, o financiamento imobiliário Bradesco permite o uso de recursos do FGTS por meio do SFH (Sistema Financeiro da Habitação).

Neste caso, alguns documentos precisam ser apresentados ao banco a fim de verificar se este benefício poderá ou não ser usado. Confira:

  • RG e CPF;
  • certidão de nascimento, casamento ou outro estado civil;
  • extrato do Fundo de Garantia emitido nos últimos 60 dias;
  • Autorização para Movimentação de Conta Vinculada do FGTS preenchida;
  • comprovante capaz de identificar que o imóvel financiado não se situa na mesma cidade ou região metropolitana de outro já adquirido com recursos do FGTS em seu nome;
  • cópia da carteira de trabalho e ter trabalho, no mínimo, 36 meses sob o regime CLT;
  • comprovante de residência dos últimos doze meses na mesma cidade onde o imóvel a ser financiado está localizado,
  • declaração do Imposto de Renda feita no último ano.

O FGTS, cabe lembrar, pode ser usado tanto na quitação de todo o saldo devedor do financiamento, como também na redução do número de parcelas totais, mediante adiantamento do pagamento das mesmas. Em todas essas situações, este recurso trabalhista irá te ajudar a aliviar o total da dívida.

O Bradesco e outras instituições financeiras são parceiras da Melhortaxa e são capazes de oferecer créditos a diferentes perfis. Cadastre-se já em nosso site e receba nossa ajuda durante a contratação de um financiamento e receba propostas dos maiores credores do Brasil sem precisar sair de casa!