Você conhece a Tabela Molicar? Saiba os detalhes!

A Tabela Molicar leva em consideração informações detalhadas de um veículo antes de calcular seu valor

Criada em 1992, a Tabela Molicar aos poucos vem conquistando o gosto dos brasileiros que querem efetuar alguma pesquisa sobre o valor dos seus automóveis. Inclusive, saber quanto vale seu veículo é muito importante durante a contratação de um refinanciamento com este bem como garantia.

Sua grande vantagem em relação à Tabela Fipe é a quantidade de informações precisas sobre determinado automóvel. Muitos não sabem, mas até mesmo se um veículo é equipado com bancos de couro ou não, pode interferir no seu valor de mercado.

O que é a Tabela Molicar?

A primeira edição da Molicar foi publicada em 1994, dois anos após sua fundação. Desde então, tem sido cada vez mais usada como referência para quaisquer situações em que o valor de um determinado veículo precisa ser considerado. São alguns casos o refinanciamento, seu seguro e, até mesmo, seu preço de venda.

Enquanto a famosa Tabela Fipe leva em consideração informações sobre o ano, modelo, tipo de motor, combustível usado e outros pontos, a Molicar vai ainda mais fundo. Por meio dela, é possível reparar até mesmo uma leve alteração de preço no valor total só porque um carro possui freios ABS e o outro de mesmo modelo, não.

Dependendo do caso, a Molicar pode ser muito útil durante o cálculo de seguros. Por exemplo: um carro equipado com airbag tende a ter um valor de seguro mais baixo em relação aqueles cujos danos podem ser maiores caso aconteça algum acidente.

A credibilidade oferecida por esta tabela se deve, principalmente, a uma pesquisa de mercado baseada nos valores aplicados nos últimos 35 anos no mercado automotivo. Além disso, a maioria de suas informações possuem procedência de diversas empresas de credibilidade consideradas referências em todo o país.

Detalhes levados em consideração pela Molicar

Para obter informações mais precisas sobre os preços dos veículos, a Molicar considera alguns itens específicos neles presentes, tais como:

  • bancos do veículo são de couro ou não;
  • freios ABS e airbag (levados em consideração pelas seguradoras);
  • equipado com ar-condicionado;
  • vidros e travas elétricas;
  • câmbio manual ou automático;
  • teto solar;
  • retrovisor eletrocrômico,
  • sensor de estacionamento.

Como consultar a Molicar?

As consultas no site da Molicar são feitas mediante contratação de uma assinatura a ser paga semestralmente a partir da terceira pesquisa. Feito isso, deverão ser mencionadas algumas informações para obter o valor exato de um veículo, são elas:

  • tipo do veículo (hatch, básico, sedan, picape, etc.);
  • estado brasileiro onde o bem se encontra;
  • ano e modelo de fabricação;
  • marca do fabricante e denominação do veículo,
  • versão do motor (1.0, 1.4, etc.).

Concluída esta etapa, a consulta à Tabela Molicar solicita um cadastro no site e, com isso, já será possível ver uma estimativa de quando o carro está custando. A consulta gratuita, cabe lembrar, é limitada a duas vezes.

Molicar X Fipe: entenda a diferença

Tabela Molicar ou Fipe?? Se você está pretendendo refinanciar seu veículo e, antes de solicitar o crédito, quer saber quanto ele está valendo, a primeira opção acaba sendo mais vantajosa. Isso porque, nela, o valor do carro será calculado com base em todos os itens adicionais nele presente.

A Fipe costuma levar em consideração apenas informações básicas como ano, modelo do veículo e potência do motor para chegar em um resultado de preço nacional. A Molicar, por sua vez, considera todos os detalhes do carro e seu valor final pode variar de acordo com cada estado do Brasil.

Basicamente, ambas as tabelas podem ser usadas regularmente pelas empresas durante uma pesquisa sobre o valor dos veículos. A diferença entre elas, todavia, consiste apenas nos detalhes: enquanto uma considera apenas dados mais superficiais, a outra preza por detalhes.

Vantagens da Tabela Molicar

Mesmo a Tabela Fipe sendo gratuita, a Molicar acaba sendo muito mais vantajosa ao precificar um veículo. Como são levados em consideração todos os dados referentes ao automóvel, é possível obter com mais precisão o valor de mercado durante a contratação de um refinanciamento, por exemplo.

Relação da Tabela Molicar com o refinanciamento

Como se sabe, oferecendo seu carro como garantia de empréstimo será possível obter um crédito de até 90% do seu valor total. Dessa forma, antes de contratar esse serviço, é sempre importante saber quanto está custando seu carro e se o montante a ser obtido no refinanciamento será suficiente para suas necessidades.

Ainda, é importante salientar, que todos os empréstimos com veículo em garantia só podem ser contratados caso o bem possua menos de dez ano de fabricação. Neste ano, por exemplo, o automóvel precisará ter sido montado a partir de 2009, caso contrário, o pedido de crédito será negado.

Refinanciar seu veículo tendo com base seu valor de mercado pode ficar ainda mais acessível se você se cadastrar aqui na Melhortaxa! Preencha o formulário e nossa equipe especializada irá te ajudar a contratar o melhor serviço de crédito de acordo com suas necessidades. Confira!

Veja Também