A comercialização de imóveis novos na cidade de São Paulo recuou 0,7% em fevereiro, com a venda de 732 unidades. Na comparação com o mesmo mês de 2014, quando foram vendidas 981 unidades, houve queda de 25,4%. Os dados são da Pesquisa do Mercado Imobiliário realizada pelo Secovi-SP (Sindicato da Habitação).

No aspecto monetário, o levantamento apurou um valor global de vendas de R$ 408 milhões, 6% superior ao registrado em janeiro, e 21% menor na comparação anual, já descontada a inflação do setor no período. Já o indicador de vendas sobre ofertas acumulado dos últimos 12 meses mostrou que 41,6% do total de imóveis ofertados foram vendidos.

Os imóveis de dois dormitórios lideraram as vendas, com 330 unidades (45% do total), seguidas pelas unidades de um quarto, com 203 vendas (28% do total). Os imóveis de três dormitórios representaram 21% do total, e os de quatro ou mais, 6%.

Fonte: Exame.com