TR ou IPCA: como escolher o índice do financiamento

Entre os diversos fatores que compõem um financiamento, esses índices estão presentes e podem afetar, diretamente, o valor das parcelas


Escolher o melhor financiamento para a aquisição de um imóvel não é, apenas, decidir qual o período ideal do pagamento das parcelas. A escolha envolve, principalmente, a base de juros utilizada na cobrança: se TR ou IPCA.

Ambos os índices têm relação com a economia nacional, ou seja, são definidos por órgãos e autarquias, e acabam influenciando diretamente o valor da amortização de seu financiamento. Entenda melhor o assunto com as informações a seguir.

O que é TR e IPCA?

Antes de mais nada, é necessário entender o que são cada uma dessas siglas. Dessa forma, será mais simples de compreender a influência de cada uma delas no financiamento imobiliário. 

A TR significa Taxa Referencial e foi criada no governo Collor para servir de referência aos juros nacionais, controlando, assim, a inflação brasileira. Por conta disso, é utilizada como fator de correção monetária em investimentos, FGTS e financiamentos.   

Já o IPCA significa Índice de Preços ao Consumidor Amplo. Em outras palavras, é o índice de inflação oficial do Brasil, medido todo mês pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Por estar ligada à Taxa Selic, o IPCA é utilizado para reajustes de investimentos e financiamentos.  

TR e IPCA aplicados no financiamento

Quando é realizado um financiamento, algumas taxas são incluídas no valor do bem, sendo elas as definidas pela instituição financeira e pelo governo federal, podendo sofrer reajustes anualmente. 

As taxas que são definidas pelo banco sofrem variações entre cada instituição financeira, levando em consideração pontos como o score de crédito do solicitante, o valor do imóvel escolhido, entre outros. Elas podem, inclusive, serem negociadas. 

Já as taxas definidas pelo governo podem ser escolhidas pelo solicitante, de acordo com o que ele julgar melhor para seu planejamento financeiro. Ou seja, por se tratarem de índices de inflação, tanto a TR quanto o IPCA podem ser aplicados no financiamento de seu imóvel.   

Elas serão responsáveis pelos possíveis reajustes que suas parcelas receberão ao longo dos anos de financiamento, tendo como base a situação econômica nacional. O que muda, entre cada uma delas, é a forma como a variação pode acontecer.

IPCA 

Por se tratar de dados que são medidos constantemente e poder sofrer variações com a mesma frequência, o índice IPCA é muito indicado para quem deseja financiar um imóvel no momento em que a inflação do país se mantém baixa. 

Porém, é preciso ficar atento ao escolher esse índice para compor os juros de suas parcelas, uma vez que eles podem sofrer grande variação, dependendo da economia nacional. Essa diferença será acrescida nos juros de suas parcelas.

TR

A taxa TR é uma das mais estáveis no Brasil, considerando que, desde 2017, se mantém em zero por cento. É possível compará-la a um juros pós-fixado, por não ter uma variação constante como o IPCA — que seria como um juros pré-fixado.

A Taxa Referencial permite um planejamento financeiro mais assertivo, uma vez que seu valor costuma se manter sem mudanças bruscas. Por conta disso, as possíveis variações são alteradas no valor das parcelas, em vez de nos juros. 

Como escolher entre TR e IPCA

Para escolher o melhor índice para seu financiamento é necessário analisar diversos outros fatores que compõem o valor final da transação, como a tabela de amortização, o número de parcelas e quanto esses valores comprometerão seu orçamento. 

Além disso, é importante ficar atento à economia nacional e seus principais índices, uma vez que essas variações podem interferir tanto na TR quanto no IPCA. Caso tenha dúvidas sobre qual das duas taxas se encaixa melhor no seu perfil, consulte um especialista.

A Melhortaxa pode ajudar você

São diversos os fatores que compõem e, consequentemente, influenciam o valor final de seu financiamento, além da TR e do IPCA. Então, para poder fazer um bom negócio, é importante ter total clareza sobre o assunto.  

Seja para consultar um especialista e esclarecer dúvidas, ou até mesmo fazer uma simulação de financiamento e analisar com mais clareza as opções disponíveis para o seu caso, conte com a ajuda das ferramentas e especialistas da Melhortaxa!  

Veja Também

Mais lidos