Quando fazer o empréstimo com veículo em garantia?

O empréstimo com veículo em garantia apresenta inúmeras vantagens relacionadas aos juros cobrados no mês e prazos de pagamento

Você já deve ter se deparado com as elevadas taxas de juros cobradas em situações envolvendo dívidas do cartão de crédito, cheque especial e, até mesmo, empréstimo pessoal. No entanto, existe uma solução caso queira se livrar logo de todas elas, trocando-as por uma mais barata, contratando o empréstimo com veículo em garantia.

Também conhecido como refinanciamento de veículos, o processo consiste em dar seu automóvel como garantia de pagamento do saldo devedor. Uma das grandes vantagens, nesse caso, é poder continuar fazendo uso do bem no dia a dia, não havendo restrição para tal.

Contudo, você sabe quais momentos são cruciais ao renegociar sua dívida, oferecendo seu carro como garantia? Neste post, iremos falar um pouco sobre três situações e vantagens proporcionadas por esse tipo de crédito capaz de não sobrecarregar o seu bolso.

?

1- Situações em que você precisa de um grande volume de crédito

Imagine a seguinte situação: você deseja abrir seu próprio negócio e, por isso, precisa ter mãos em grande volume de dinheiro. Contratando empréstimos pessoais ou qualquer outro tipo de crédito, é possível até obter a quantia desejada, mas com a cobrança de elevadas taxas de juros ao mês.

Diante dessa situação, a melhor alternativa é optar por dar seu veículo como garantia de um empréstimo e deixá-lo alienado até todas as parcelas serem quitadas. Isso porque, o montante disponibilizado na sua conta corrente neste processo pode chegar a 90% do valor total do carro.

Por exemplo: caso seu automóvel esteja avaliado em R$ 50 mil, será possível obter até R$ 45 mil de crédito com juros baixos. Caso a loja que você pretende abrir demande um gasto de R$ 35 mil, ainda será possível guardar R$ 10 mil e usá-lo em qualquer outra situação.

2- Quando você vê a necessidade de trocar sua dívida por alguma barata

Os juros cobrados pelos empréstimos pessoais, cheque especial e cartão de crédito são muito altos e, em alguns casos, o devedor pode sentir dificuldades em quitar as parcelas. Diante disso, a melhor solução é tentar trocar sua dívida por uma mais barata e com melhores condições de pagamento.

Nesse caso, os juros do refinanciamento de veículo são a partir de 1,7 a.m, chegando a pouco mais de 20% a.a. Com isso, o devedor irá pagar prestações mais baratas e as chances dele ter mais de 30% da sua renda mensal comprometida com a quitação da dívida serão menores.

A título de comparação, os empréstimos pessoais costumam cobrar um juros de mais de 10% a.a, podendo chegar a ultrapassar 100% a.a. Somado isso com o volume de crédito obtido, que tende a ser mais baixo nesse tipo de crédito, verifica-se o quão vantajoso é refinanciar seu carro.

3- Necessidade de ter um maior prazo para quitar a dívida

Caso queira pagar prestações menores e ter mais tempo ao pagar toda a dívida, o empréstimo com veículo em garantia continua sendo a melhor opção. Com 90% do valor do veículo em mãos, é possível refinanciar em até 60 parcelas (5 anos) com juros mais baixos.

Mesmo o empréstimo pessoal apresentando um prazo de até cinco anos para você quitar a dívida, não se esqueça dos juros altos cobrados por essa modalidade. Portanto, é melhor refinanciar seu carro com 48 prestações e pagar os juros mais baixos do mercado com elevado volume de crédito.

Como contratar o melhor crédito com garantia de veículo?

Antes de contratar um refinanciamento de carro, é preciso fazer uma avaliação sobre qual instituição financeira apresenta as melhores condições de acordo com seu perfil. Isso envolve desde as menores taxas de juros a serem pagas todos os meses até a quantidade de parcelas e volume de crédito a ser concedido por elas.

Na dúvida sobre como fazer essa análise, a melhor solução é fazer um cadastro aqui no site da Melhortaxa. Dessa forma, você poderá receber assistência gratuita de nossa equipe especializada capaz de lhe informar qual credor oferece as melhores opções de refinanciamento automotivo.

Escolhida a instituição, é feita uma análise de crédito, jurídica e do automóvel a ser dado como garantia. Isso porque, caso o banco decida conceder o refinanciamento de veículos com nome sujo, os prazos e a quantidade de crédito a ser cedido poderão sofrer alterações.

Estando tudo aprovado, os contratos serão escritos e o crédito concedido com o refinanciamento cairá direto na sua conta. Nesse momento, iremos marcar um dia para ambas as partes se encontrarem e analisarem toda a papelada antes delas serem assinadas.

O empréstimo com veículo em garantia pode ser ainda mais vantajoso com a nossa ajuda durante a contratação. Por isso, não perca mais tempo e cadastre-se no nosso site e faça já uma simulação!

Veja Também