Poltronas: o detalhe notável da decoração

Quando o assunto é decoração, costuma-se dizer que os pontos de destaque devem ficar nos detalhes, cabendo às peças maiores características mais neutras. No caso dos estofados de uma sala, por exemplo, o papel de elemento sóbrio cabe ao sofá, enquanto a poltrona cumpre a função de quebrar a monotonia e dar mais cor ao ambiente. E essa habilidade das poltronas não cabe apenas na sala. Quartos e varandas cobertas também têm nas poltronas uma aliada quando a ideia é tornar o ambiente mais vivo através de um detalhe.

Ergonomia e conforto – As poltronas acumulam, ainda, funções práticas dentro do ambiente. Em apartamentos novos, onde os espaços são menores, por exemplo, é melhor colocar na sala um sofá de dois lugares e duas poltronas, ao invés do jogo de sofá completo. A poltrona ocupa menos espaço e pode ser mudada de lugar com mais facilidade, além de proporcionar mais conforto em reuniões sociais. As poltronas podem ser transportadas para diferentes cantos, e por isso dão mais mobilidade e liberdade na hora de se posicionar no local e em relação aos outros presentes, criando entrosamento entre as pessoas.

O conforto também é uma qualidade típica desse tipo de peça. Os convidados podem se sentar mais à vontade em uma poltrona do que um sofá, com outras pessoas. Para atividades como assistir televisão e ler, as poltronas também saem na frente dos sofás, cadeiras e camas no quesito conforto, pois são projetadas para quem quer ficar sentado por um longo período de forma adequada.

Fácil de usar e reusar – As poltronas podem ser revestidas por uma série de tecidos. Os mais comuns são sarja, chenile, veludo, linho e suede, além do couro. Cada um deles causa diferentes efeitos táteis e visuais, variando também no preço e nos cuidados na hora da limpeza.

A variedade de revestimentos e do uso de cores e estampas faz com que seja bastante fácil usar as poltronas como um fator-chave na renovação de um ambiente. Ao contrário do que o senso comum pode sugerir, elas não precisam, necessariamente, combinar com os demais elementos da decoração. Seu estilo e cores podem destoar do restante do ambiente, fazendo com que a poltrona funcione como uma quebra da monotonia e seja o ponto de atenção do ambiente. Por isso, é totalmente possível colocar uma poltrona com detalhes rebuscados e cores fortes em uma sala de móveis de desenho moderno e cores neutras.

Mas tenha cuidado quando for colocar mais de uma poltrona em um mesmo cômodo. Como elas têm o poder de chamar a atenção para si, se duas ou mais delas forem muito diferentes entre si e muito chamativas podem deixar o ambiente visualmente poluído. Nesse caso, vale a pena investir nas cores e no design de apenas uma, deixando as outras mais dentro do padrão do restante da decoração.

As poltronas são, também, fáceis de renovar. O custo de reformar uma poltrona é bastante inferior ao de fazer o mesmo com o sofá, e a simples troca do revestimento já transforma a peça e causa um efeito bastante diferente do anterior na decoração.

Veja Também