Como financiar um imóvel pela Caixa

Conheça as linhas de crédito imobiliário da Caixa e tire suas dúvidas sobre financiamento

A Caixa Econômica Federal (CEF) é conhecida por suas linhas de crédito imobiliário voltadas para o financiamento e aquisição de bens. O banco oferece condições diferenciadas de mercado, com taxas e juros mais baixos do que comumente praticados.

Os financiamentos da Caixa se dividem em três categorias: financiamento de terreno e construção de imóvel ou apenas construção, os programas de habitações populares e o financiamento de imóveis novos ou usados. 

No financiamento para construção, existe o para compra do terreno e construção do imóvel ou apenas para a construção, nos casos de quem já possui o terreno. Essa modalidade conta com benefícios como o cartão Caixa Construcard, para materiais de construção, e o uso do FGTS para auxiliar no processo.

Na alçada das habitações populares estão programas como o Minha Casa Minha Vida, famoso por possibilitar que famílias de baixa renda realizem o sonho da casa própria em uma moradia digna com taxas baixas. 

Já o financiamento de imóveis é uma linha de crédito com prazo de pagamento de até 35 anos, que aceita usar o FGTS e permite que o cliente escolha qual fator de correção será vinculado ao seu financiamento o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) ou Taxa Referencial (TR). 

Como fazer o financiamento de imóveis pela Caixa? 

Antes de fazer qualquer financiamento é muito importante fazer uma simulação para ver o que é mais adequado para a sua realidade financeira. Contate um dos nossos especialistas! A Melhortaxa pesquisa para você as melhores opções do mercado e compara as taxas existentes para você tomar a decisão mais correta possível. 

Depois de fazer a simulação haverá uma etapa de análise de crédito, na qual serão solicitados vários documentos e o banco vai identificar os possíveis usos do FGTS na transação. É nessa etapa que há a verificação da renda familiar para que as parcelas do financiamento não ultrapassem o limite de 30% de comprometimento. 

Depois dessa etapa o banco avalia a engenharia da propriedade e seu real valor para venda. Posteriormente o contrato é assinado e é acertado o início do pagamento. 

IPCA ou TR: qual escolher? 

Durante a preparação para contratar o financiamento, deve-se escolher qual fator de correção será atrelado aos montantes da transação, o IPCA ou o TR. Mensalmente eles atualizam o saldo devedor na data de vencimento das prestações. 

Ambos fatores aceitam amortizações pelas tabelas Price e SAC, e as linhas de financiamento do banco, Sistema Financeiro de Habitação (SFH) e Sistema Financeiro Imobiliário (SFI), porém existem diferenças entre os fatores.

O IPCA aceita somente contratos de imóveis residenciais, sejam eles novos ou usados, aceita FGTS nas modalidades SFH e SFI e seu prazo de pagamento é em até 360 meses. Sua taxa é de  2,95% a 4,95% ao ano. 

Já o TR aceita os mesmos contratos residenciais que o IPCA, mas com a adição da compra de terreno, reforma, construção e ampliação. Ele também aceita imóveis comerciais e pagamento com FGTS nas modalidades SFH e SFI. O prazo de pagamento é até 420 meses, porém a taxa é mais alta, entre 8,5% e 9,75% ao ano.

Planejamento é a chave para a casa própria

Independentemente das condições oferecidas, faça quantas simulações forem necessárias. Um financiamento é uma dívida que demora anos para ser quitada, por isso, sua contratação deve ser bem planejada.  Não comprometa sua renda além do que é possível. 

Com parcelas confortáveis você terá o suficiente para quitar o saldo devedor sem dificuldades. Tire todas as suas dúvidas sobre o processo e tenha certeza de que você recebeu as melhores orientações para o seu caso

Soluções de financiamento são na Melhortaxa!

Vai fazer um financiamento mas não tem muita certeza de qual caminho seguir? A Melhortaxa pode te apoiar nesse período e te aconselhar das opções que são mais ideais para a sua realidade. Conheça os nossos serviços! 

Veja Também